gestão processos empresariais

Gestão de processos: como aplicar em uma empresa

Ter processos bem definidos e gerenciados é o sonho de qualquer empreendedor. Afinal, por meio de uma gestão de processos eficientes, é possível ter uma melhoria contínua e aperfeiçoar a otimização e a produtividade.

 

A gestão de processos integra as atividades de diferentes áreas, equipes e sistemas, para que os pontos de necessidades sejam solucionados, e a organização possa se desenvolver de maneira sustentável no mercado e se destacar da concorrência.

 

Antes de mais nada, a gestão de processos é um conceito que une a gestão de negócios a otimização e tecnologia, com a finalidade de gerar resultados positivos, melhorias e alavancando, consequentemente, a produtividade de uma empresa.

 

Imagine uma empresa de tratamento de água: se uma gestão de processos não for implementada da melhor forma, o resultado final do produto
poderá não sair com qualidade, causando doenças e prejudicando os seus próprios consumidores!

 

No entanto, apesar de ser algo necessário e fundamental para a vitalidade de uma organização, a gestão de processos não é uma tarefa fácil, quando aplicada na prática.

 

E pensando nisso, nós elaboramos este conteúdo para te mostrar como é possível realizar uma gestão de processos eficiente e conseguir gerar novas oportunidades e gargalos de melhoria para o seu negócio.

 

Quer saber mais sobre tudo isso? Então não deixe de nos acompanhar neste post! Vamos lá?

1. Mapeie os processos

 

O primeiro passo para implementar a gestão de processos em seu negócio é por meio de um mapeamento detalhado.

 

Por sua vez, o mapeamento de processos se baseia na identificação da sequência de todas as atividades da sua empresa, sejam elas no âmbito operacional, gerencial ou estratégico.

 

Ou seja, todos os procedimentos que compõem uma atividade e geram um fluxo de trabalho devem ser mapeados e registrados.

 

Dessa forma, além do gestor conseguir ter uma visão mais clara de todas as necessidades da empresa, ele também terá mais facilidade em incluir novas estratégias e tecnologias de maneira mais segmentada.

 

Sabemos que o mapeamento de processos pode ser algo burocrático. Em uma indústria que fornece produtos como fritadeira elétrica industrial, por exemplo, os processos podem parecer complexos.

 

No entanto, quanto mais detalhado o mapeamento estiver, as estratégias de gestão de processos podem ser aplicadas de forma mais prática!

2. Busque formas de padronizar

 

Agora que você já sabe sobre todos os processos da sua empresa, é o momento de buscar maneiras de padronizar e alterar as atividades que não estão sendo executadas com rapidez e produtividade.

 

A padronização de processos faz com que o resultado final dos produtos e serviços saiam com mais qualidade e resultados, diminuindo o tempo de fabricação e entrega.

 

gestão processo comercial

3. Tecnologia como forma de gestão e controle

 

A tecnologia e a gestão de processos são diretamente ligadas entre si.
Ou seja, a tecnologia na gestão de processos garante o melhor desempenho dos processos e promove melhoria nas atividades que não estão sendo bem executadas.

 

No entanto, para levantar algum projeto de automação, é essencial conferir como está a performance em determinada atividade, e assim,
executar a inserção de novas tecnologias, caso seja necessário.

 

Afinal, cada empresa possui a sua necessidade e, consequentemente, sua necessidade de investimento em tecnologias diferentes.

 

Se sua indústria vende broca de aço rápido, e está com problemas no relacionamento e atendimento com os clientes, o CRM
pode otimizar os processos de relacionamento e comunicação interna, por exemplo.

 

Agora que você já sabe como aplicar a gestão de processos em sua empresa, o que está esperando para adotar essa prática e obter sucesso?

 

Esse artigo foi escrito por Rafaela Ricardo, Criadora de Conteúdo do Soluções Industriais.

 

CRM, estratégias de gestão de processos, estratégias e tecnologias, gestão de controle, gestão de processos, otimização de processos, processo comercial, produtividade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *