Vendas ficam mais fáceis com estratégias digitais.

Quer atingir os melhores resultados?

O QUE É MER (MODELO DE ENTIDADE RELACIONAL) E COMO É APLICADO NO MEU SITE?

Todo processo de desenvolvimento de sistemas é crucial para o bom resultado de seu trabalho. Por isso, é comum que antes de iniciar um novo projeto ou até mesmo realizar uma nova funcionalidade é preciso fazer um levantamento de todos os requisitos necessários e também um estudo para que se chegue da melhor maneira possível ao produto final.

É por meio desse estudo que sabemos identificar cada área do desenvolvimento, as responsabilidade de cada pessoa da equipe e também as ações necessárias para que seu projeto não tenha falha, bem como todas as áreas envolvidas possam interagir e saber o andamento do processo.

O que é o MER (Modelo de Entidade de Relacionamento)?

Desenvolvido em 1976, pelo cientista americano Peter Chen, o Modelo de Entidade de Relacionamento, conhecido pelos engenheiros de software apenas como MER, nada mais é do que um conceito que descreve todas as entidades existentes no domínio de negócio, assim como o modo como essas entidades se relacionam e as características de cada uma dessas entidades.

As entidades também recebem o nome de objetos, assim como atributos são usados como sinônimos de características para o relacionamento de todas as partes de um Modelo de Entidade de Relacionamento.

O MER  (Modelo de Entidade de Relacionamento) consiste em um banco de dados do sistema. No entanto, vale lembrar que nem sempre é necessário realizar todos os modelos do sistema, já que alguns são tão complexos que podem levar muito tempo para serem produzidos e ficarem grandes demais. O mais comum é que os modelos sejam feito por módulos ou entidades.

Portanto, o Modelo de Entidade de Relacionamento pode ser classificado como o modelo conceitual de todo o projeto.

Como fazer um Modelo de Entidade Relacional ou de Relacionamento?

Por ser uma parte mais conceitual é comum que o Modelo de Entidade Relacional seja produzido até mesmo em forma de tabela. Nela se relaciona o nome do cliente ou projeto, atributos necessários para seu desenvolvimento, as classes as quais eles pertencem, seu tamanho, domínio e também uma pequena descrição sobre o que são.

As classes são formas de indicar um atributo normal e podem ser multivalorados, simples e determinantes. São eles os responsáveis por atribuir valor e determinar qual atributo será usado na criação do código do cliente, chave, entre outros.

Já o tamanho dos atributos é, na verdade, o número de caracteres exigidos (a quantidade exata) para definir o armazenamento de todo o seu conteúdo. Já o domínio é mais complexo é pode ser atribuído como texto, boleano, data ou número, desde que siga um processo lógico. A descrição é um passo importante do MER já que é nessa aba que se descreve todas as informações e atributos necessários a qualquer projeto.

Por isso é preciso que se entenda que o MER (Modelo de Entidade de Relacionamento) é o passo mais importante para o seu site e banco de dados, pois é nele que se define quais os relacionamentos serão necessários, seus tipos e atributos.

Fale com a agencia Next4
Rodrigo Ferré

*Formado em Comunicação Social - Publicidade e Propaganda pela Unilago. + Certificado em Marketing Digital pela RD Station, Certificado em Google AdWords Sales Representative + Sales certification (Certificação Google Adwords) + Certificado em CRM pela Moskit CRM + Vendedor de Alta Performance pela Insight Company + Certificado de participação do RD Summit 2015 e 2016. Atua a mais de 10 anos proporcionando vendas para clientes com estratégias de marketing digital.