Vendas ficam mais fáceis com estratégias digitais.

Quer atingir os melhores resultados?

Como o mapeamento do seu sistema web ajuda no projeto?

Na era digital, muito se ouve falar nos mais diversos tipos de tecnologias e pouco se sabe sobre a sua importância para o funcionamento de uma empresa. Um exemplo disso são as múltiplas plataformas e funções que podem otimizar o seu trabalho. Para um bom funcionamento destas plataformas é o mapeamento de sistema web, que pouca gente sabe exatamente como funciona e para que serve. Essa função pode ser aplicada às janelas que não possuem acessibilidade e você pode escolher qual a mensagem a ser exibida quando algum elemento de uma dessas janelas for acionado. Sendo assim, a cada vez que houver um clique ou o cursor do mouse for posicionado sobre o item, a mensagem surgirá na tela.

Você pode escolher um dicionário, um layout e um local da janela, onde todo texto que for alterado naquela localidade, será notificado.

Textos de ajuda também entram nessa categoria de mapeamento, e você pode até mesmo aplicar mais de um mapeamento a uma mesma janela, contanto que sejam ativados através de um conjunto distinto de regras. Sendo assim, o sistema escolherá qual mapeamento será exibido de acordo com a ação do usuário. Ao fechar a janela, as opções escolhidas para mapeamento da mesma são automaticamente desativadas e só voltam a funcionar quando a janela for aberta novamente.

É possível inserir esses mapeamentos através do painel de controle ou o comando específico de mapeamento localizado no mouse. Se você ainda tem alguma dúvida sobre onde usar o mapeamento, seguem abaixo alguns exemplos de aplicação.

Nem todos os objetos de uma janela podem ser facilmente acessados, há alguns que não são acessíveis, quase ocultos. Através do mapeamento, é possível colocar um rótulo nesses objetos, que será exibido toda vez que eles forem focalizados. O texto pode conter nome, valor, descrição, dentre outros dados. As opções de aplicação também variam: o mapeamento pode ser configurado apenas para objetos que não podem ser identificados automaticamente, por exemplo. Ou ainda pode ser generalizado para todos os objetos com a mesma origem ou aparência.

Um mapeamento de comando, além de fornecer informações, pode tomar ações sobre determinados objetos ou áreas da tela. Para isso, basta que, na hora de criar o mapeamento, uma tecla de atalho seja selecionada para executar a ação escolhida. Os atalhos podem ser duas teclas acionadas simultaneamente, um clique, duplo clique, ou manter o mouse sobre a área indicas.
Cada janela possui um menu de propriedades básicas, onde há a opção de ajuda. É nesse espaço que você pode escrever dicas sobre o funcionamento da janela, pode até mesmo indicar quais as teclas de atalho, definidas no tópico anterior. Se essa opção for selecionada no Painel de Controle, sempre que o usuário entrar na janela correspondente, o mesmo será ativado e surgirá na tela. Através do comando Control + Alt + Num, o texto pode ser ativado novamente a qualquer momento, caso ainda haja alguma dúvida.

Os mapeamentos podem ainda ser agrupados em uma espécie de “pacote” para que você não fique confuso diante de uma grande lista de comandos.

Fale com a agencia Next4
Rodrigo Ferré

*Formado em Comunicação Social - Publicidade e Propaganda pela Unilago. + Certificado em Marketing Digital pela RD Station, Certificado em Google AdWords Sales Representative + Sales certification (Certificação Google Adwords) + Certificado em CRM pela Moskit CRM + Vendedor de Alta Performance pela Insight Company + Certificado de participação do RD Summit 2015 e 2016. Atua a mais de 10 anos proporcionando vendas para clientes com estratégias de marketing digital.