Vendas ficam mais fáceis com estratégias digitais.

Quer atingir os melhores resultados?

 

Análise de KPI’s: Sua importância e o que avaliar?

Análise de KPI
Quer captar mais clientes?

Saber como fazer a análise de KPI de forma correta e definir quais são os melhores, são etapas fundamentais para o sucesso de iniciativas em qualquer tipo de negócio, especialmente nos digitais. Quer saber mais sobre o assunto? Então continue a leitura deste artigo.

Conceito e análise de KPI

KPI é a sigla para o termo da língua inglesa Key Performance Indicator, mais conhecido como Indicador-chave de Performance, em português.

Trata-se de uma maneira prática, mas muito eficiente de mensurar um conjunto de ações ou apenas uma, isoladamente.

Há uma infinidade de KPI’s que podem ser usados e, além disso, eles variam de acordo com o tipo de negócio.

Também é necessário considerar que atualmente o fluxo de informação é cada vez maior e constante.

Com isso, o ponto chave para fazer um bom trabalho e conseguir obter dados que levem a insights é saber quais os melhores indicadores que devem ser analisados.

Definindo os melhores KPI’s para seu negócio

Antes de começar a definir os melhores KPI’s é muito importante que já se tenha de forma clara o objetivo.

Por exemplo, se a finalidade é atrair mais visitantes para o site ou blog, analisar KPI’s referente ao valor médio de gastos dos usuários em compras no site não faria sentido, ao menos para este fim.

Para facilitar a identificação dos KPI’s mais relevantes, selecionamos algumas características que precisam ser consideradas no momento da escolha. Acompanhe.

Ser mensurável

Apesar de ser algo mais do que óbvio, é sempre bom ressaltar essa característica. Um bom KPI precisa estar sempre disponível para mensuração e análise.

Não faria sentido, por exemplo, escolher um indicador que fornece dados parciais ou que não tem um papel fundamental no conjunto das ações.

Adequar aos objetivos

Para ser um bom indicador de performance ele precisa ter utilidade para a empresa e para a proposta do projeto e, claro, deve refletir os objetivos que se esperam obter.

Sendo assim, é fundamental que o KPI escolhido esteja de acordo com o panorama geral e o fim idealizado para o negócio.

Ser inteligente

Quando uma decisão é tomada com base em dados de qualidade ela é muito mais sólida e correta.

Por isso, partindo do ponto de que os indicadores ajudam na tomada de decisões, é preciso que os escolhidos forneçam dados que contribuam nesse sentido.

Veja bem, não basta apenas ter bons dados, é preciso ter dados de qualidade que possam ser usados para definir o melhor caminho.

Ter periodicidade

O indicador-chave precisa ser passível de mensuração constante e é esse acompanhamento que possibilita compreender o que funciona e o que não funciona.

Por isso, para escolher o melhor KPI é preciso observar se ele pode ser medido com a periodicidade que o negócio precisa e se ele ajuda na tomada de decisões.

Ser relevante

Quando se fala sobre indicadores um dos erros mais recorrentes é confundir o indicador de vaidade com o indicador relevante.

Para definir um bom indicador e conseguir uma excelente análise de KPI, é preciso deixar de lado aqueles que apenas parecem importantes, mas que no final não significam nada.

Por exemplo, se o objetivo é saber a média de vendas realizadas por meio do site, indicadores sobre a quantidade de curtidas em uma rede social, os comentários e compartilhamentos não são úteis para obtenção de dados concretos.

É preciso focar nos aspectos que mais importam!

Tipos de KPI

De fato, há tantos KPI’s quanto se fazem necessários. A seguir, estão alguns dos mais comuns. Mas, atenção: os citados são os mais usados nos negócios digitais.

Taxa de conversão

Esse indicador é muito útil para analisar a quantidade de visitantes que determinada estratégia ou ação conseguiu direcionar para a tomada de uma ação.

Porém, há vários tipos de conversão, por isso é preciso estar atento a esse ponto.

Tráfego orgânico

A análise desse KPI envolve observar os dados que são originários dos motores de busca, como o Bing e o Google, e que não são pagos.

Tráfego pago

Esse KPI de marketing digital indica o tráfego que foi originado por meio de anúncios pagos em plataformas específicas, como o Google Adwords.

Tráfego direto

Esse é o indicador referente aos acessos diretos, isto é, quando o usuário acessa diretamente o site pelo endereço eletrônico digitando na barra de endereços, por exemplo.

Page views

A análise desse KPI permite saber a quantidade de visualizações que uma determinada página obteve ou, ainda, qual foi o tempo médio de permanência do usuário nela.

Em determinados casos, isso pode até servir de complemento para um KPI de conversão.

Sendo assim, a análise de KPI e a correta mensuração são fundamentais para todos os tipos de negócios.

Por meio deles é possível determinar acertos, erros e onde investimentos devem ser feitos. Ou seja, são excelentes recursos para o crescimento dos negócios.

Entenda mais em: Next4

Fale com a agencia Next4
G. Lang

*Formado em Marketing pala Universidade Paulista (UNIP). *Formado em Turismo pela Universidade Anhembi Morumbi. *Técnico em Processamento de Dados pela FECAP. + Atua com Planejamento de Estratégias de Marketing Digital na Agência Next4 desde 2008. + Certificado pelo Google Adwords (Fundamentals, Expert Search, Expert, Display, Expert YouTube, Performance, Shopping, Google Analytics). + Certificado pela Resultados Digitais (Metodologia Inbound Marketing - RD Station, Customer Success, Gestão, Marketing, Vendas, Marketing Digital, Planejamento de Marketing Digital, Facebook + Instagram Fundamentals, Projeto de aceleração de resultados). + Cursos complementares - Imersão Winning by Design - Processo de Vendas / Receita recorrente.