Vendas ficam mais fáceis com estratégias digitais.

Quer atingir os melhores resultados?

Como aplicar gatilhos mentais em seu negócio e alavancar as suas vendas?

como-aplicar-gatilhos-mentais-em-seu-negocio-e-alavancar-as-suas-vendas

Alavancar as vendas dentro dos negócios é uma busca constante tanto no mercado tradicional quanto também dentro do Marketing Digital. Repleto de estratégias, conhecer bons gatilhos mentais é indiscutivelmente algo importante para se ter bons resultados e números mais altos.

E é justamente sobre isso que fala este texto. Você sabe como aplicar gatilhos mentais dentro do seu empreendimento? Como é possível melhorar os números e fazer com que as vendas aumentem em tempos cuja concorrência está extremamente alta? Continue lendo e descubra!

A ciência por trás dos gatilhos

“Mas, por que o uso de gatilhos mentais traz resultados para os negócios?”, você pode estar se perguntando. Pois bem, você sabe qual é a definição da palavra gatilho? Pequena peça que quando puxada faz disparar o tiro! No contexto do mundo dos negócios, é o puxador que faz com que o cliente tome uma decisão favorável a empresa naquele exato momento!

O momento da tomada de decisão é determinante dentro de qualquer empreendimento. Em Marketing Digital, por exemplo, são poucos os segundos que fazem a diferença e que fazem com que uma pessoa compre ou não determinado produto antes de sair da página.

O que falta para que uma venda seja efetivada de fato? É justamente esse gatilho! Algo que faça com que o cliente decida naquele exato momento a respeito da compra e não depois, visto que as possibilidades de que ele não volte são muitas!

Os gatilhos mentais são, portanto, decisivos para os números de qualquer empreendimento e por isso mesmo precisam ser entendidos e, sobretudo aplicados corretamente.

Como, quando e por que usar?

A essas alturas você com certeza já decidiu que deve usar gatilhos mentais a todo o momento. Mas, também não é bem assim! Para ter credibilidade é necessário que este gatilho seja real.

Caso você comece a explorar demais tal estratégia ela acabará por perder o efeito sobre o seu público, o que não é em nada interessante, não é mesmo? Para usar e ter bons resultados com gatilhos mentais é necessário definir exatamente o que e como será feito. Dedique-se a isso!

6 principais gatilhos mentais para usar e alavancar suas vendas

E quais são os principais gatilhos mentais a serem usados a fim de se aumentar o número de vendas? Seja no âmbito virtual ou no mercado tradicional, a seguir estão elencadas as principais estratégias em que investir dentro deste assunto. Acompanhe:

1.   Autoridade

O primeiro gatilho mental a ser mencionado é o gatilho da autoridade, ou seja, quando você mostra e prova para o seu cliente que é referência dentro do seu respectivo mercado. Você é o melhor e oferece também o melhor produto!

A principal dica para usar desse gatilho é, portanto, mostrar conhecimento sobre a sua área de atuação. Seja preciso, direto e óbvio. Sem soberba e sem forçar a barra. Estude o seu mercado e saiba absolutamente tudo o que está acontecendo nele. Tenha argumentos para responder a todas as dúvidas no exato momento em que elas são feitas.

Quando o cliente percebe que você é autoridade ele fica mais propenso a fechar o serviço ou fazer a compra, visto que acredita fielmente que está bem assistido. Não deixe que tais expectativas se frustrem mais tarde, mas pelo contrário, seja essa autoridade divulgada!

2.   Causa social

Iniciativa que tem inúmeros pontos positivos, o gatilho mental da causa social é um dos mais sérios a que o negócio pode recorrer. Exemplos de negócios que já se utilizam da estratégia:

O Mc Donald’s faz um dia no ano cuja verba com a venda de um de seus lanches é destinada a uma causa social; a Mary Kay reverte parte do rendimento da venda de alguns de seus produtos em prol de caridades de assistência para mulheres e entre outros.

A causa social convence pelo fato de que ajuda a outras pessoas ou ao meio ambiente. Entretanto, é impreterivelmente importante de que realmente exista uma causa por trás da propaganda. Seja transparente e garanta que seu cliente saiba para onde parte da verba vai.

3.   Escassez

Um dos principais e mais usados gatilhos mentais, com certeza você já vendeu ou já comprou graças a ele. Escassez é levar o seu cliente a comprar para não ficar sem, afinal “É a última unidade! Não tem mais nesse tamanho ou nessa cor já que a procura foi muito grande”.

Percebe? Quantas vezes as pessoas não tomam uma decisão baseadas neste gatilho mental?

No entanto, vale lembrar que para manter a credibilidade com o cliente e com o público, é importante que essa estratégia não seja utilizada sem limites. Saiba quando, como e com quem aplicá-la para ter bons resultados.

4.   Novidade

Outro senso importantíssimo é o da novidade. As pessoas amam comprar aquilo que é novo no mercado e acabam por apressar este processo ao se verem de frente com tal gatilho.

Só que, uma vez mais, essa é uma faca de dois gumes. Se você usar essa estratégia de modo equivocado, ou seja, falando para o seu cliente que ali está uma novidade quando na verdade não é bem assim, é possível até mesmo fazer a venda, mas corre-se o risco de não fidelizar.

Saiba usar o gatilho da novidade a favor do seu relacionamento com o cliente e os números crescerão quase que de modo automático.

5.   Urgência

Por fim, não menos importante, o gatilho mental da urgência também é outro na lista dos mais usados e em que provavelmente você já caiu antecipando uma compra graças à forma como o vendedor conduziu a conversa.

O senso de urgência está muito presente hoje dentro do Marketing Digital. Repare que muitas páginas de venda apresentam um tipo de cronômetro regressivo em que evidencia-se que uma promoção ou campanha está acabando.

Esse tipo de estratégia faz com que os clientes tenham medo de perder a oportunidade de ter determinado item ou serviço em uma condição especial e por isso a compra é realizada. Tenha cuidado para não desmerecer sua marca ao utilizar continuamente tal gatilho.

6.   Antecipação

Também vale a pena apontar o gatilho mental conhecido como antecipação. Afinal, quem é que não gosta de garantir uma novidade de forma antecipada? Antes mesmo que seja lançado, por exemplo?

Os trailers dos filmes são excelentes gatilhos mentais de antecipação. Eles despertam a vontade, o interesse e a necessidade de que você volte para ver um ou outro filme que lhe chamou mais a atenção. Algumas propagandas de Marketing capricham muito no uso desse gatilho também com seus “Save the date” que elevam a curiosidade.

O gatilho de antecipação já foi muito usado pela Apple e por outras importantíssimas empresas de renome. Elevando as expectativas do consumidor, este fará o máximo para estar entre os primeiros a conhecer o produto e também adquiri-lo.

Saiba usar os gatilhos para ter bons resultados

Mais do que saber o que são e para que servem os gatilhos, é importante atentar-se ao fato de que para aplicá-los é preciso estratégia e também honestidade. O cliente perceberá caso você esteja forçando os gatilhos e, neste caso, os resultados não serão nada agradáveis.

No Marketing Digital, para usar gatilhos mentais, é indispensável ter uma boa estratégia. Para tanto, lembre-se que é preciso contar com profissionais que entendam deste mercado, pois somente assim será possível usar corretamente tais gatilhos.

Aproveite para entrar em contato com a Next4, agência de Marketing Digital, e tire todas as suas dúvidas sobre o assunto. Saiba como o seu empreendimento pode expandir ainda mais a partir do uso dos gatilhos certos e multiplique os seus ganhos alavancando as vendas já.

Fale com a agencia Next4
Lêda Paiva

Formada em Marketing, pela Universidade Anhembi Morumbi. Certificada em Marketing de conteúdo e estratégias em redes sociais; Marketing | STARTER - Agência de Resultado, pela RD Station; Customer Success | STARTER, pela RD Station;Produção de Conteúdo Web, pela Universidade Rock Content.